Notícias

Câmara de Palmas abre portas para Observatório Social e se compromete em atuar em conjunto com ONG

O presidente da Câmara de Palmas, José do Lago Folha Filho e diretores da Casa receberam uma comissão de integrantes do Observatório Social de Palmas. Durante a reunião institucional, realizada no dia 17 de março, a entidade externou os cumprimentos ao presidente da Câmara e entregou uma carta com recomendações para a nova gestão do legislativo.

Na ocasião, Folha destacou que o diretor Geral da Câmara, João Paulo César Lima será o interlocutor junto à entidade nas questões administrativas relacionadas ao Legislativo e ressaltou que a Casa está aberta para receber as demandas da sociedade.

transparência e eficiência à Casa de Leis, entre elas a disponibilização da relação das presenças e ausências dos vereadores nas sessões, anexando à justificativa em caso de ausência; a criação de enquetes sobre assuntos relevantes para a comunidade antes das votações; a discussão com as entidades os projetos de lei e decretos de media e alta relevância na vida cotidiana do cidadão entre outras.

De acordo com o presidente da Casa, José do Lago Folha Filho a recomendação é bem recebida e vai ao encontro do que preconiza a sua gestão. “Estamos pautando a nossa atuação na transparência e austeridade. Já estamos adequando o funcionamento da Casa para garantir um atendimento eficiente para a população”, frisou o presidente que ainda destacou: “estamos trabalhando em convênios que possibilitarão a informatização do processo legislativo, um portal da transparência ainda melhor e na implantação do Diário Oficial da Câmara, mais um instrumento para tornar acessível à população os atos do legislativo”.

A presidente do Observatório Social, Ana Isabel Friedlander afirmou que a entidade acompanha as ações do legislativo por entende a relevância do papel do órgão. “É importante dizer que temos um olhar especial sobre a Câmara, pois aqui estão nos representantes dos cidadãos. Agora com a nova legislatura e nova presidência viemos entregar as recomendações da entidade. Fomos bem recebidos e estamos esperançosos de que algumas demandas da população sejam atendidas”, frisou.
 

20/03/2017